Arquivos da Categoria: Comunicação

SPFW inverno 2014: confira o line-up!

capa

Notícia fresquinha! Acaba de sair o line-up da edição de inverno 2014 da São Paulo Fashion Week. O evento, que ocorre de 28 de outubro a 1º de novembro, terá como sede principal o Parque Villa-Lobos.

Entre as novidades, estão a estreia da estilista mineira Patrícia Motta e o retorno de Reinaldo Lourenço. Na lista dos desfiles externos estão a linha feminina de Alexandre Herchcovitch e a Ellus, que terão como cenário o Theatro Municipal de São Paulo.

Confere aí a programação completa:

28 de outubro (segunda-feira)

Animale

Uma Raquel Davidowicz

Tufi Duek

Osklen

29 de outubro (terça-feira)

Alexandre Herchcovitch

Acquastudio

Fernanda Yamamoto

Vitorino Campos

Juliana Jabour

30 de outubro (quarta-feira)

FH Fause Haten

Ellus

João Pimenta

Forum

Triton

Cavalera

31 de outubro (quinta-feira)

Pedro Lourenço

Gloria Coelho

Ronaldo Fraga

Patrícia Motta

Lino Villaventura

Colcci

1º de outubro (sexta-feira)

Reinaldo Lourenço

Amapô

Têca por Helô Rocha

Alexandre Herchcovitch

Samuel Cirnasck

BR Confidencial: o novo desafio de Gogoia Sampaio

Impossível falar em figurinos marcantes de novelas sem lembrar do trio de empreguetes mais amado do Brasil e sua eterna rival Chayenne em “Cheias de Charme”. E quem aí não se inspirou no estilo hippie de Cristal, interpretada por Sandy em “Estrela-Guia”?

Enfim… Podemos passar horas citando exemplos de figurinos que ficaram marcados na nossa memória. Marcas essas, deixadas pela incrível figurinista Gogoia Sampaio, que levou dois Prêmios Contigo! de Melhor Figurino por “Belíssima” (2006) e “Sabor da Paixão” (2002).

Atualmente, além de estar no comando do figurino do remake de “Saramandaia”, Gogoia está a frente de um novo projeto: o BR Confidencial. A figurinista contou isso e muito mais pra gente em uma entrevista exclusiva. Vamos conferir?

Valliosa: Como surgiu a ideia de criar a plataforma BR Confidencial?

Gogoia: O BR Confidencial é o resultado de mais de vinte anos de trabalho. Além disso, é uma ótima maneira de compartilhar com o público o meu conhecimento e a minha agenda adquiridos ao longo dos anos.

Valliosa: Qual o tema central da plataforma?

Gogoia: A minha agenda, tutoriais criados por pessoas que o público admira e, é claro, passar o meu conhecimento técnico aos leitores.

Valliosa: Depois de tantos anos atuando como figurinista em televisão, como está sendo essa nova empreitada?

Gogoia: Estou me sentindo uma adolescente vibrando a cada nova conquista! E, ao mesmo tempo, uma mãe que tem responsabilidades em cuidar de um novo bebê.

Valliosa: O que te inspira?

Gogoia: A vida de uma maneira geral me inspira. Tudo aquilo que está em movimento!

Valliosa: E para a televisão? Quais os próximos projetos?

Gogoia: Já estou a todo vapor com o remake de “Saramandaia”.

Valliosa: Qual as maiores dificuldades em estar a frente de um site e da produção de figurino de uma novela?

Gogoia: O tempo! Atualmente, o meu dia teria que ter 50 horas!

Valliosa: Há algumas décadas as novelas vêm ditando moda no Brasil. Como você se sente quando vê pessoas na rua se inspirando em suas criações?

Gogoia: Me sinto lisonjeada demais! É muito bom ver que o que você planejou deu certo e está sendo aplicado.

Valliosa: Quais os personagens mais marcantes? Por quê?

Gogoia: Tenho muita sorte, pois estou em ótimos projetos e tenho tido excelentes personagens. As empreguetes, Chayenne, a novela “Passione”… Sei lá! São mais de vinte anos e eu gosto de tantos!

Valliosa: É possível se vestir bem com baixo orçamento? Que dica você dá para os leitores?

Gogoia: Com certeza! Hoje em dia o mercado está bem aberto e a internet é uma ótima fonte de pesquisa para quem procura por preços baixos.

Valliosa: Que conselhos daria para quem quer se tornar figurinista? É uma profissão muito difícil?

Gogoia: Acho que tem que ter dedicação e sentir prazer naquilo que está fazendo, pois temos uma enorme carga horária de trabalho.

Gogoia Sampaio em Novo Hamburgo?

Aguarde novidades…

A popularidade do passarinho azul

Simples e rápido, a mídia social Twitter tem milhões de usuários em todo o mundo, tendo um potencial de disseminação de conteúdo realmente impressionante. Justamente por isso, é imprescindível que empresas e marcas estejam inseridas neste mundo dos 140 caracteres.

O Twitter dá certo por variados fatores, e um deles é pela objetividade que a limitação dos caracteres impõe. De acordo com o publicitário Roberto Tostes, outro ponto primordial é o fato de os usuários adorarem interagir. E quase sempre isso ocorre quando alguma coisa não ocorre como o esperado. E aí que mora o perigo.

Quem acompanha esta mídia social já deve ter observado alguma reclamação de algum usuário quanto algum serviço. E muitas vezes essas reclamações tomam proporções gigantescas, engajando usuários que não estão necessariamente envolvidos no problema. É o poder do uso da hashtag. Portanto, #estejadeolho no que está rolando na web. A melhor alternativa para não ter problemas do tipo é responder o mais rápido possível reclamações ou solicitações de ajuda. Ou seja, as marcas precisam estar sendo diariamente monitoradas.

Para se tornar popular nesta mídia social, entretanto, a marca ou empresa precisa ter seu perfil atualizado. Ou seja, é preciso existir uma interação e produção de conteúdo interessante. Somente assim o público irá se interessar e acompanhar a marca.

Simples, mas complexo, não é mesmo? A sorte, entretanto, é que existem agências que fazem todo este serviço para as empresas.

E a Valliosa Comunicação é uma delas. Inclusive, estamos inseridos na rede social do conhecido passarinho azul. Por lá, você pode conferir tudo que acontece no mundo da moda, além de ficar por dentro das novidades dos nossos clientes. Siga: @valliosa_jej

A Globo e a nova Classe C

Quem gosta de novela provavelmente acompanha as produções da maior emissora de televisão do Brasil, a Rede Globo de Comunicação. E por isso, deve ter percebido que nos últimos anos algumas mudanças ocorreram, não é mesmo? Com uma simples análise, fica perceptível que a emissora passou a retratar com mais intensidade e veracidade o cotidiano dos brasileiros que fazem parte das classes menos elitizadas.

Em 2005, por exemplo, a Globo criou sua primeira favela cenográfica para a novela América, e em 2009, Manoel Carlos fez seus personagens moradores do Leblon cruzarem com núcleos de classes mais baixas em Viver a Vida.

Essas mudanças seguem o panorama da realidade brasileira.

Quarenta milhões de brasileiros emergiram das classes sociais D e E nos últimos anos, compondo a nova classe C. De acordo com Marcelo Boschi, especialista em Marketing e Gestão de Marcas, esses consumidores estão movimentando mais de R$ 900 bilhões no mercado interno. Percebendo isso, novelas voltadas para este público começaram a ganhar força. Cheias de Charme e Avenida Brasil são exemplo disso. Ambas as novelas possuem histórias centradas em gente nascida na periferia, possuindo uma forma de vida simples e de muita batalha.

Cheias de Charme

De acordo com autor de Cheias de Charme, Filipe Miguez, a intenção da novela é a de explorar a relação entre patroa e empregada, tema pouco abordado na dramaturgia. Para ele, esta relação é muito significativa da nossa cultura, rendendo sempre boas histórias.

Avenida Brasil

Autor de Avenida Brasil, João Emanuel Carneiro acredita que as pessoas querem se ver na tela da televisão. “Escrevo pensando nesta nova família que está assistindo a minha novela”, revela.

Para a Central Globo de Comunicação, a emissora está de olhos abertos com relação as preferências da nova Classe C. “Por um conjunto de variáveis econômicas, as classes populares vêm incrementando sua participação na sociedade e sofrendo mudanças de hábito e de comportamento sobre as quais qualquer empresa de comunicação deve estar atenta”, afirma em nota.

Fonte: MSN Entretenimento

Todos curtem o Facebook

Você entra no seu Facebook e se depara com a atualização de status de sua mãe, a curtida de uma tia, as fotos dos irmãos mais novos… Todos estão na rede social. Crianças, adolescentes, adultos, idosos. Todos.

O que já era perceptível apenas ao conferir as novidades na timeline, ficou ainda mais evidente após um estudo realizada nos Estados Unidos pela Forrester.

A pesquisa foi realizada com mais de 60 mil pessoas, identificando que 96% dos adultos utilizam a rede social e que 98% dos entrevistados de 18 a 22 anos estão no Facebook.

Bom, isso todo mundo já sabia, não é mesmo? A novidade, entretanto, é que apesar de representarem apenas 7% dos internautas brasileiros, segundo dado da comScore Brasil, os idosos também estão presentes nas redes sociais. De acordo com a QualiBest, 71% dos idosos que acessam a internet estão nas redes sociais como Facebook, Twitter e Orkut.

O que isso quer dizer?

Estes dados reforçam que se sua empresa ainda não está inserida neste universo da Web, você precisa repensar sua estratégia de marketing. Afinal, todos curtem o Facebook.

E sim, provavelmente enquanto você lia esta postagem, a sua avó de 75 anos lhe cutucava, mandava uma solicitação do Angry Birds ou comentava a foto da festa do final de semana. Tempos modernos.


Vendas de empresas melhoraram após o uso de mídias sociais, diz estudo

As mídias sociais estão sendo cada vez mais utilizadas pelos profissionais da área de marketing e vendas. Isso porque as redes fomentam as ações de divulgação de produtos e serviços, ampliando os efeitos dos projetos de marketing. E no que isso tudo resulta? Segundo pesquisa realizada pelo Instituto Brasileiro de Inteligência de Mercado (Ibramerc) isso reflete em maiores vendas para as empresas.

O estudo foi realizado com 400 gerentes e diretores dos ramos B2B (Business to Business) e B2C (Business to Consumer). De acordo com a pesquisa, 93% dos líderes do segmento B2C afirmaram utilizar as mídias sociais como ferramenta de apoio aos negócios. Já no segmento B2B o percentual foi de 84%.

A pesquisa mostra que essas empresas tiveram melhores vendas após adotarem as redes sociais. Este dado parte da opinião de 41% dos empresários entrevistados, sendo que 9% afirmaram que houve um grandíssimo crescimento de vendas a partir do uso das redes sociais.

Aproveite para conhecer o Facebook e Twitter da Valliosa Comunicação.Fica a dica para as empresas que ainda não investiram em redes sociais. Quando bem utilizadas, as mídias podem ser grandes aliadas ao sucesso de sua marca.

A inovação dos anúncios impressos

Quem acredita que a mídia tradicional está morrendo por conta dos avanços tecnológicos precisa ler esta postagem.

Imagine-se em casa, tomando uma boa xícara de café enquanto folheia uma revista. Seus olhos são atraídos por inúmeros anúncios, alguns chamam a sua atenção, mas você pensa: é tudo sempre a mesma coisa. Realmente, hoje em dia os anúncios são muito mais interessantes na Internet do que em revistas, por exemplo.

Agora que vem a surpresa.

Você observa o anúncio da joalheria Murat Paris e é induzido a colocar o seu iPhone em um determinado espaço do anúncio. Neste momento, sem a necessidade de um aplicativo específico, você pode testar todas as opções de jóias na modelo da fotografia impressa. Além de conferir o que mais lhe agrada, você pode ter informações de preços e joalherias mais próximas que vendem o produto.

Ficou meio confuso? No vídeo abaixo você pode observar como a criação da Agência V. funciona.

Uma ideia semelhante também foi utilizada pela Mercedes Benz. Também com o uso do iPhone, colocando o aparelho em cima do anúncio impresso, a pessoa poderia fazer um “test drive” para testar a potência do carro.

Demais!

Curta, compartilhe, comente e compre

O Facebook pode se tornar uma potência do comércio eletrônico. Esta é a aposta de grupos de empresas do ramo. Constatação como esta já era esperada, isso porque a rede social não para de crescer. Um exemplo deste crescimento está no fato de que nos dias 14 e 15 de abril, o Facebook bateu (no Brasil) o número de acessos do poderoso Google, um dos sites mais acessados mundialmente.

A confiança no comércio via Facebook é tanta, que a expectativa é que a rede social rivalize com o Amazon.com e eBay. Sendo mais otimista ainda, é possível que a rede social supere tranquilamente os concorrentes. Para perceber isto basta observar os números. No final de 2011, o Facebook tinha 845 milhões de usuários ativos ao mês, superando os 164 milhões de usuários da Amazon e os 110 milhões do eBay.

Sabendo desta tendência do mercado, as empresas já estão desenvolvendo aplicativos de compra, por exemplo, para serem utilizados via Facebook. Além disto, as estratégias de persuasão estão sendo afinadas para convencer os usuários de que a rede não funciona apenas para se conectar com os amigos, mas também para fazer compras.

Apesar das expectativas e avanços, o Facebook ainda possui algumas restrições em sua política de uso, primando pelo conceito de rede de relacionamento. Resta aguardar as mudanças e avanços no comércio eletrônico para saber o que realmente dará certo.

Dica Valliosa:

Conheça e curta a nossa página no Facebook.

Lá você encontra novidades do mundo da moda, do design, comunicação, cultura e muito mais!

Coisas que acontecem na Internet em um minuto

Em um minuto você pode ler um e-mail, responder algum tweet ou curtir uma atualização do Facebook. Mas você consegue imaginar tudo o que acontece na Internet em 60 segundinhos?

Segundo informações divulgadas pela Intel, 204 milhões de e-mails são enviados em um minuto, 47 mil downloads de aplicativos são feitos, mais de 320 novas contas no Twitter são criadas e 100 mil novos tweets são publicados. Sim! Em um minuto!

Confira outras coisas que ocorrem em um minuto da web:

  • 20 pessoas se tornam novas vítimas de roubo de identidade
  • 1300 pessoas se tornam novos usuários de aparelhos mobile
  • 135 pessoas são infectadas por botnets
  • 6 novos artigos são publicados no Wikipédia
  • A Amazon ganha 83 mil dólares em vendas
  • Mais de 100 pessoas criam contas no LinkedIn
  • 61.141 horas de música são ouvidas no Pandora
  • 20 milhões de fotos são vistas e 3000 fotos são postadas no Flickr
  • 277 mil pessoas fazem login no Facebook e 6 milhões de visualizações no Facebook são feitas
  • Mais de 2 milhões de buscas são feitas no Google
  • 30 horas de vídeo são postadas no Youtube e 1,3 milhões de vídeos são assistidos
  • 639.800 GB dados de IP são transferidos no mundo

Incrível, não é mesmo? Um minuto é muito tempo na Internet!

Sua timeline do Facebook pode virar o seu cartão de visitas

Com tantas informações sobre os usuários do Facebook disponíveis na rede, a gráfica MOO Cards questiona: porque manter isso tudo apenas online? A empresa, em parceria com o Facebook, está propondo criar cartões de visita personalizados usando a timeline dos usuários. E melhor, a MOO Card está dando um pacote de 50 cartões a 200 mil usuários!

A proposta foi lançada no início de janeiro e, segundo o chefe de marketing da empresa, Paul Lewis, as amostras gratuitas serão ofertadas com espaço de tempo, para não haver sobrecarga na entrega. Pela data prevista pela MOO Cards, os primeiros 50 mil pedidos já devem estar chegando aos usuários. Para estes primeiros o frete é gratuito.

Para saber quando os pedidos serão abertos, usuários do Facebook podem ficar atentos ao blog da MOO ou sua conta no Twitter. Para fazer o pedido basta seguir os seguintes passos:

1) Vá até a sua timeline e clique no botão “Sobre”, logo abaixo dos seus dados pessoais;

2) Desça a página até você encontrar uma caixa com as suas informações de contato e clique no logo em formato de cartão para enviar as informações para o aplicativo da MOO.

A MOO Cards faz entregas no Brasil. Se não quiser esperar as cotas grátis e quer logo seus cartões acesse o site da empresa clicando aqui.

 

Com informações de “Só na Social” no site Pequenas Empresas Grandes Negócios

Fotos: reprodução

%d blogueiros gostam disto: